20160308

Todos os dias



Mulher, torna-te naquilo que és: Mulher. Com toda a tua essência, carisma, fragilidade, poder. 

Não precisas nem queiras ser super-homem – que não és: nem super, nem homem – apenas mulher, com todas as tuas especificidades: valoriza-as, sem entrares em competição com homem nenhum pelo que em ti é dom, encanto, genuíno. Mas tão-pouco deixes que te queiram escurecer o que de ti resplende. 

Afirma-te naquilo em que és igual e marca a tua diferença naquilo em que és diferente. 

Porque todos os dias são dias das mulheres… e também dos homens – criaturas de Deus: criados à Sua imagem e semelhança.


5 comentários:

Ailime disse...

Boa noite Fá,
Uma mensagem muito bela que vem de encontro ao meu sentir.
Um beijinho e obrigada.
Ailime

Alfa & Ômega disse...

Ora, ora, pois, pois! Fá a postar e eu ver cá. Saudades de ti! Parabéns pelo lindo texto! Abração forte!

Jaime Portela disse...

E dizes muito bem, já que "todos os dias são dias da mulher".
Uma PÁSCOA FELIZ, querida amiga Fá.
Beijo.

Manu disse...

Um texto que me emocionou e que vem de encontro àquilo que penso sobre nós mulheres.

Beijos Fá

Jose Torres disse...

Uma velha recordação minha...

MULHER
Deixa de olhar o teu corpo com os olhos do “homem”.
O seu olhar não te vê, coisifica-te.
Por isso, vês-te mal.
Por isso odeias-te e desconfias de mim.
Não és a sua boneca; pensa um pouco.
Far-te-á bem.

Podes partilhar também aqui as tuas palavras